Cadastre seu e-mail e receba informativos
Menu de artigos

 A chegada do filhote
 A escolha do filhote
 Castração
 Conheça os gatos
 Cuidados básicos
 Dúvidas frequentes
 Escolhendo o gato
 Gato perdido!
 Mordidas de gato
 Onde comprar
 Pelagem
 Posse responsável
 Vacinação
 Viajando com o gato

 Entidades protetoras


Comportamento

 Arranhar/Afiar unhas
 Catnip
 Comer grama
 Convívio com cães


Reprodução

 Acasalamento
 Cio
 Ciclo Reprodutivo
 Desmame do filhote
 Gestação
 Parto


Saúde

 Diagnósticos
 Doenças
 Gatos idosos
 Odontologia
 Parasitas
 Primeiros socorros
 Reprodução
 Tratamentos
 Zoonoses


Menu de serviços

 Achados e perdidos 
 Adoção
 Álbum de Fotos
 Amizades
 Cadastro de Pet Shop
 Cãorreio sentimental
 Doação
 Dogcast
 Histórias
 Página Animal
 Pesquisar estudantes
 Pesquisar veterinários
 TV Webanimal videos





Chegando em casa... (gatos)

Chegando em casa...

O filhote irá sofrer um grande estresse pela separação da mãe e mudança de ambiente. Odores e ruídos diferentes daqueles que ele está acostumado são fatores estressantes. Se for possível, leve o gatinho para casa junto com algum objeto com o qual ele está familiarizado, por exemplo, um pedaço de tecido onde ele costumava ficar com a mãe e irmãos. Escolha o local definitivo onde o gatinho irá ficar, e ali coloque uma caminha, recipientes para água e comida e alguns brinquedos.

Existem produtos vendidos para gatos recheados com a erva Catnip que causa uma sensação de bem-estar nos felinos. Seja paciente, aos poucos ele aprende as regras da casa. Dê atenção e carinho para diminuir o estresse. Mas sem exageros.

Nas primeiras noites ele poderá miar um pouco. Deixar o animal dormir no quarto com você é uma questão de opção. Mas existe o risco de tornar o animal dependente de companhia sempre, o que não é bom para ele. Permitir que o gato durma na cama do dono é um erro. Há muitas pessoas que não se incomodam, mas é necessário avaliar os riscos de contaminação que você correrá, principalmete se o bichano frequenta as ruas.

Já no primeiro dia você deve colocar caixa plástica (bandeja) com areia sanitária, que podem ser adquiridos em pet shops e supermercados, em um lugar de fácil acesso para o gatinho. Instintivamente, o animal deverá fazer suas necessidades na areia (granulado). Você deve retirar os dejetos com uma pazinha e deixar apenas a areia limpa.

Uma outra opção é colocar uma folha de jornal dentro da bandeja e um punhado de areia sanitária. Assim que o gatinho fizer suas necessidades, você enrola o jornal e joga tudo fora. Esse é um método mais higiênico. Lembre-se: gatos não fazem cocô e xixi em caixas de areia sujas. Mantenha-as sempre limpas ou coloque mais de uma no local.

Procure não mudar a alimentação do filhote nos primeiros dias. Leve-o ao veterinário para um exame geral e orientações.


Silvia C. Parisi
médica veterinária - (CRMV SP 5532)

Webanimal
www.webanimal.com.br



Livro sobre cães
lado1
pixel

Livro Crônicas para ler com seu cachorro

pixel
lado2
vazio

Guia de Primeiros Socorros

Diário do Dudu
A volta ao mundo




quem somos | fale com a gente
Webanimal é marca registrada da Realty Informática Ltda.
Proibida a reprodução de artigos sem prévia autorização ©Copyright 1998 - 2016