/ Taxidog - transporte de animais - Webanimal.com.br
 

 
   

Cadastre seu e-mail e receba informativos


Menu de Artigos

 Guia para iniciantes
 Guia avançado
 Adestramento
 Castração
 Cães de trabalho
 Cães famosos
 Cães pelo mundo
 Campanha anti-caca
 Cinofilia/criação
 Comportamento
 Cuidados gerais
 Dermatologia
 Diagnósticos
 Doenças
 Dogcast (podcast)
 Dúvidas frequentes
 Entidades protetoras
 Fotografia animal
 Gente que faz
 Geriatria
 Legislação
 Medicina Veterinária
 Nutrição
 Odontologia
 Oncologia
 Operação anti-caca
 Parasitas
 Primeiros socorros
 Posse responsável
 Proteção animal
 Raças populares
 Raças interessantes
 Reprodução
 Teste seu Cão
 Tratamentos
 Zoonoses


Menu de Serviços

 Achados e perdidos 
 Adoção
 Álbum de Fotos
 Amizades
 Cadastro de Pet Shop
 Cãorreio sentimental
 Doação
 Dogcast
 Histórias
 Página Animal
 Pesquisar estudantes
 Pesquisar veterinário
 TV Webanimal/Videos



Taxi Dog

Taxi- dog

por Marcia Cristina da Silva

Você sabia que cães e gatos já têm um meio de transporte exclusivo e totalmente seguro? Que você não precisa mais se preocupar com o banco do seu carro toda vez que levar seu cãozinho doente para o veterinário ou para o banho semanal no Pet Shop do seu bairro?

Nos últimos anos vem crescendo o número de Táxi Dog, serviço de transporte de animais, principalmente cães e gatos, em São Paulo. Normalmente, na clínica veterinária ou no Pet Shop você encontra um anúncio de alguém disposto a transportar o seu bichinho.

No Táxi Dog, os animais, de qualquer raça ou tamanho, são transportados em gaiolas individuais (caixas de viagens) presas no automóvel com ou sem o acompanhamento do dono. Depois de cada viagem as gaiolas são esterilizadas e higienizadas, evitando o risco de que doenças sejam transmitidas de um animal para outro. O cão é levado com todo o conforto do canil para o veterinário, banhos e tosas, exposições ou para qualquer outro lugar do Estado ou País.


Sérgio Fonseca do Taxi-Dog

O veterinário Sérgio Fonseca, dono do Hotel para Cães Caudabanando, localizado na Casa Verde, zona norte de São Paulo, presta esse serviço há mais de 6 anos. Sérgio tem uma Towner equipada com três gaiolas (uma pequena, uma média e uma grande) e um celular com viva-voz. "Eu recebo três ou quatro chamadas por dia", diz Sérgio. "Já levei cachorro até para outros estados", acrescenta. Sérgio tem, atualmente, mais de 80 clínicas e Pet Shops que indicam seu serviço.


Caixas de transporte

Sérgio conta que já transportou coelhos e até galinhas. "Quando o estilista e apresentador Clodovil se mudou para Ubatuba, ele me chamou para eu levar seu pastor alemão e seis Pugs. Aproveitou a viagem para mandar também meia dúzia de galinhas que ele tinha", diz Sérgio. Uma outra viagem 'inesquecível' foi quando ele levou, de uma só vez, 10 cães e 14 gatos para Brasília. "Foi preciso alugar uma Besta para transportar todos os animais". Sérgio conta que essa viagem não poderia ser feita de avião, que no caso de transporte de um estado para outro é o mais recomendado, pois as companhias aéreas permitem apenas dois animais por vôo.

O 'dog driver' Eduardo Passeri, que mora em Pinheiros, na zona oeste de São Paulo, transporta cães e gatos há um ano e meio. Ele possui uma Ipanema e uma pick-up Strada e faz entregas na Grande São Paulo, no interior, no litoral e em outros estados. Como o transporte de um estado para outro encarece muito a viagem de carro, Eduardo aconselha a quem precisa levar seu cão a fazer o transporte de avião.

Eduardo começou com um anúncio na Revista Cães & Cia e hoje leva cães até para fazer campanhas publicitárias. Ele pegou dois Dogs de Bordeaux, um macho e uma fêmea, em São Carlos, interior de São Paulo, e levou para o Jardim Botânico, no Rio de Janeiro. Os cachorros foram para o Rio para fazer um comercial para o Telecine. "Os cães não deram trabalho, apenas a fêmea estava um pouco brava e não quis descer do carro, no meio do caminho, para fazer xixi e beber água, disse". Eduardo costuma, em viagens muito longas, parar para os animais urinarem e se exercitarem um pouco.

A dona-de-casa Mirian Felippi utiliza o serviço de Táxi Dog pelo menos uma vez por mês. Sempre que ela precisa levar Dara e Yanka, duas cachorras Weimaraner, ao veterinário ou no Pet Shop para tomar banho, ela chama o transporte. "Eu não vou colocar duas cachorras grandes, que não param quietas, dentro do meu carro sendo que no Táxi Dog elas vão dentro da gaiola bem acomodadas", diz Mirian. "E elas gostam muito, precisa ver como elas ficam felizes".

E não é só Dara e Yanka que curtem uma mordomia. Samantha, uma labradora de três anos, também gosta. Tanto que sua dona, a comerciante Maria do Céu Mota, fica enciumada quando ela sai no Taxi Dog. "Eu utilizo o transporte do Sérgio Fonseca. A gente percebe que ele gosta mesmo dos animais, que ele não faz isso só por obrigação. Quando a Samantha vai para o veterinário, o Sérgio acompanha a cachorra durante a consulta", diz ela. Depois Sérgio passa todas as recomendações do médico veterinário para a dona da cachorra.

Na hora de contratar um serviço de Táxi Dog verifique as condições do veículo, se está equipado com as gaiolas de transportes, se a pessoa que presta o serviço vai acompanhar o animal etc. O melhor é procurar serviços que sejam recomendados pelo veterinário ou Pet Shop de sua confiança.

Webanimal
www.webanimal.com.br




Livro sobre cães
lado1
pixel

Livro Crônicas para ler com seu cachorro

pixel
lado2
vazio

Guia de Primeiros Socorros

Diário do Dudu
A volta ao mundo




quem somos | fale com a gente
Webanimal é marca registrada da Realty Informática Ltda.
Proibida a reprodução de artigos sem prévia autorização ©Copyright 1998 - 2016