/ Protozoários em cães e gatos - Vermífugos - Webanimal.com.br
 

 
   

Cadastre seu e-mail e receba informativos


Menu de Artigos

 Guia para iniciantes
 Guia avançado
 Adestramento
 Castração
 Cães de trabalho
 Cães famosos
 Cães pelo mundo
 Campanha anti-caca
 Cinofilia/criação
 Comportamento
 Cuidados gerais
 Dermatologia
 Diagnósticos
 Doenças
 Dogcast (podcast)
 Dúvidas frequentes
 Entidades protetoras
 Fotografia animal
 Gente que faz
 Geriatria
 Legislação
 Medicina Veterinária
 Nutrição
 Odontologia
 Oncologia
 Operação anti-caca
 Parasitas
 Primeiros socorros
 Posse responsável
 Proteção animal
 Raças populares
 Raças interessantes
 Reprodução
 Teste seu Cão
 Tratamentos
 Zoonoses


Menu de Serviços

 Achados e perdidos 
 Adoção
 Álbum de Fotos
 Amizades
 Cadastro de Pet Shop
 Cãorreio sentimental
 Doação
 Dogcast
 Histórias
 Página Animal
 Pesquisar estudantes
 Pesquisar veterinário
 TV Webanimal/Videos



Protozoários em cães e gatos

Protozoários

Quando um animal é vendido, o criador informa se o cão ou gato já tomou ou deverá tomar as primeiras doses de vermífugo. No caso de animais adultos, a vermifugação é feita anualmente, de preferência um mês antes da vacinação. Essa vermifugação periódica é realmente necessária, porém, não é suficiente para o animal. Os vermífugos não combatem os protozoários que são microrganismos que podem habitar o intestino dos animais, de forma sintomática ou não, ou seja, podem causar ou não sintomas.

O mais importante é o fato de que alguns desses protozoários podem ser transmitidos ao homem, causando diarréias e dores abdominais. Nos animais, os protozoários mais dificilmente causam sinais clínicos em adultos. A Giardia sp pode causar diarréia em filhotes ou fezes de coloração esverdeada em cães ou gatos adultos. O Isospora sp pode causar diarréia líquida e com sangue em animais jovens. Associado a outras doenças como as viroses, os protozoários podem agravar o quadro clínico do animal.

Cães e gatos podem adquirir protozoários da água contaminada, fezes de pássaros e carne de animais infectados (ratos, por exemplo). O tratamento, seja em animais como no homem, é feito com antibióticos específicos. O vermífugo não age sobre os protozoários.

Assim, considerando o potencial de transmissão ao homem, a falta de sinais clínicos nos animais adultos e a possibilidade de diarréias em filhotes, o exame de fezes é muito importante, pelo menos uma vez ao ano. É um exame rápido e barato, feito em clinicas veterinárias ou encaminhados por estas a laboratórios veterinários.

No caso da Giardia, existe vacina que previne a doença. Mas os animais devem fazer um exame de fezes prévio. Se já estiverem contaminados, precisam ser tratados antes de receber a vacina específica.


Silvia C. Parisi
médica veterinária - (CRMV SP 5532)

Webanimal
www.webanimal.com.br




Livro sobre cães
lado1
pixel

Livro Crônicas para ler com seu cachorro

pixel
lado2
vazio

Guia de Primeiros Socorros

Diário do Dudu
A volta ao mundo




quem somos | fale com a gente
Webanimal é marca registrada da Realty Informática Ltda.
Proibida a reprodução de artigos sem prévia autorização ©Copyright 1998 - 2016