/ Por que meu cachorro come as fezes - Webanimal.com.br
 

 
   

Cadastre seu e-mail e receba informativos


Menu de Artigos

 Guia para iniciantes
 Guia avançado
 Adestramento
 Castração
 Cães de trabalho
 Cães famosos
 Cães pelo mundo
 Campanha anti-caca
 Cinofilia/criação
 Comportamento
 Cuidados gerais
 Dermatologia
 Diagnósticos
 Doenças
 Dogcast (podcast)
 Dúvidas frequentes
 Entidades protetoras
 Fotografia animal
 Gente que faz
 Geriatria
 Legislação
 Medicina Veterinária
 Nutrição
 Odontologia
 Oncologia
 Operação anti-caca
 Parasitas
 Primeiros socorros
 Posse responsável
 Proteção animal
 Raças populares
 Raças interessantes
 Reprodução
 Teste seu Cão
 Tratamentos
 Zoonoses


Menu de Serviços

 Achados e perdidos 
 Adoção
 Álbum de Fotos
 Amizades
 Cadastro de Pet Shop
 Cãorreio sentimental
 Doação
 Dogcast
 Histórias
 Página Animal
 Pesquisar estudantes
 Pesquisar veterinário
 TV Webanimal/Videos



Coprogafia ou a "arte" de comer cocô

Quando um cachorro começa a dar umas beliscadas no cocô é hora de observá-lo melhor. Antes de qualquer coisa, vai bem uma visita ao veterinário. Conte a ele o histórico do cão e ele, talvez, pedirá alguns exames. Existem razões patológicas para este "estranho" costume, como verminose, deficiência de enzimas digestivas e pancreatite, entre outras coisas.

Existem causas comportamentais também. O motivo mais comum é a bronca dada na hora errada e do jeito errado. Dar bronca depois que ele fez cocô, ou enquanto limpa a sujeira, vai fazê-lo pensar que o errado é fazer cocô. Ele não vai associar lugar com bronca nessas situações. Nesse caso a melhor maneira dele esconder o que fez é comendo o cocô. Então vamos lá, evite limpar as fezes quando ele estiver por perto. Não brigue com ele quando ele fizer cocô esfregando o focinho e levando pro jornal. O certo é pegá-lo no flagra, dar uma bronca e levá-lo no colo até o jornal. Chegando lá faça uma voz calma e tranquila e peça que ele faça xixi e cocô lá. Se ele conseguir qualquer coisinha faça muita festa.

Mantenha o local permitido sempre limpo, pois ele pode começar a querer limpar sozinho. Mantenha uma rotina nos horários das refeições e dos passeios.

E finalmente, se o veterinário prescrever um vermífugo, siga corretamente as indicações.

Veja também:
Coprofagia causada por excesso de proteínas nas fezes


Sheila Niski
Treinadora especializada em comportamento canino


Webanimal
www.webanimal.com.br




Livro sobre cães
lado1
pixel

Livro Crônicas para ler com seu cachorro

pixel
lado2
vazio

Guia de Primeiros Socorros

Diário do Dudu
A volta ao mundo




quem somos | fale com a gente
Webanimal é marca registrada da Realty Informática Ltda.
Proibida a reprodução de artigos sem prévia autorização ©Copyright 1998 - 2016